quinta-feira, março 03, 2011

RYOANJI

"Podemos ver o jardim de areia como um arquipélago de ilhas rochosas na imensidade do oceano, ou antes como o cimo de altas montanhas que emergem de um mar de nuvens. Podemos vê-lo como um quadro emoldurado pelos muros do templo, ou esquecer-nos da moldura e convencer-nos de que o mar de areia pode se expandir sem limites e cobrir todo o mundo".

"Instruções de uso", no panfleto do templo Ryoanji, no Japão. Em
Italo Calvino (Palomar)

Um comentário:

R.B.Côvo disse...

Gostava de conhecer esse lugar. Abraço.