sexta-feira, agosto 29, 2008

Leitura em Asheville


Amanhã estarei lendo meus poemas (em inglês) na bela cidade de Asheville, no pé das Montanhas Apalaches, junto com Magdalena Zurawski e Brian Howe. Vou postar fotos do evento aqui, que está sendo organizado pelo poeta Chall Gray. Um dos poemas que vou ler, nos meus 15 minutos, será este, de Nômada, traduzido por mim:

OSTRANENIE, a road poem


Taken by the strange logic of the age
I ask a lift from the family of hippies
That has for as its strangest hobbies
To not tell the hours, just the cuckoos,

To exchange kisses as if exchanging blows,

To curse like a band of sailors,

To get hit in the face assuming it is a hiccup.

They ask my nose if we are close,

Erase landscapes, eat sausages,

And then talk talk talk as a mad sect

Until they are without voice and subject.


I get off, in an old Russian village.





Incidental Reading series

8:00 p.m., 8/30/2008
186 Pisgah View Rd.
Asheville, NC 28806


Um comentário:

Pedrinho...poesias... disse...

BOA VIAGEM RODRIGÃO...
parabéns pelas incursões e navegações malditas e inteligentíssimas de um LIBRINIANO...lembra-se??!
vou armar uma tende com ademir e vc e mario bortolotto em aracoara...talvez em outubro...
farei contato! PARABÉNS!!!